• 1
  • 2
Prev Next

No Canindé, Vitória empata com a Portuguesa pela Copa do Bra…

No Canindé, Vitória empata com a Portuguesa pela Copa do Brasil

Foto: Foto: Rodrigo Gazzanel/ Futura Press/ Estadão Contéudo   O Vitória empatou em 0 a 0 com a Portuguesa, nesta quarta-feira (11),...

Read more

Sistema político está em ruínas, diz Collor em discurso

Sistema político está em ruínas, diz Collor em discurso

Senador Fernando Collor de Mello (PTC-AL) Primeiro e único presidente cassado na história do Brasil, o senador Fernando Collor de Mello...

Read more

Lídice da Mata diz que impeachment é golpe jurídico

Lídice da Mata diz que impeachment é golpe jurídico

Senadora Lídice da Mata (PSB-BA) Contrária ao afastamento da presidenta Dilma Rousseff, senadora Lídice da Mata (PSB-BA) disse ontem (11) que...

Read more

Dias Toffoli aceita abertura de inquérito contra Cunha

Dias Toffoli aceita abertura de inquérito contra Cunha

Presidente afastado da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) O ministro do Supremo Tribunal Federal Dias Toffoli aceitou, nessa quarta-feira (11) as...

Read more

Com manifestação de Flexa Ribeiro, maioria do Senado defende…

Com manifestação de Flexa Ribeiro, maioria do Senado defende afastamento de Dilma

Senador Flexa Ribeiro A maioria dos senadores declarou ser favorável ao afastamento da presidente Dilma Rousseff. Numa sessão que dura quase...

Read more

Dilma quer manter agenda de viagens e eventos caso seja afas…

Dilma quer manter agenda de viagens e eventos caso seja afastada

Presidenta Dilma Rousseff A presidenta Dilma Rousseff quer manter uma agenda política de trabalho, atividades e eventos durante o período em...

Read more

Supremo abre inquérito para investigar Aécio Neves

Supremo abre inquérito para investigar Aécio Neves

Senador Aécio Neves (PSDB) O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF) determinou ontem (11) a abertura de inquérito contra...

Read more

Senado afasta Dilma Rousseff por 55 a 22 votos

Senado afasta Dilma Rousseff por 55 a 22 votos

Senador Renan Calheiros Por 55 votos a 22, o Senado aprovou agora, às 6h35, a admissibilidade do impeachment da presidente Dilma...

Read more


Ginásio de Esportes de Jacobina (Foto: RF NOTÍCIAS)

JACOBINA - BA — As Testemunhas de Jeová realizaram neste domingo (15 de maio) uma Assembléia com o tema “Imite sua Fé”, com base no texto bíblico de Hebreus 13:7. Em Jacobina a assistência passou de 1200 pessoas de muitas cidades da região.

A Assembléia destacou as referências bíblicas capazes de ajudar a todos avaliar os excelentes exemplos do passado, desde os profetas e os apóstolos de Cristo, e como tais exemplos podem influir na nossa vida. Incluiu palestras bíblicas voltadas para maridos, esposas, pais e jovens. Os presentes viram como “Imitar a fé” de outros pode ajudá-los a tomar boas decisões, melhorar a vida familiar, fortalecer sua relação com Deus e encontrar verdadeira felicidade.

Um destaque da programação foi a palestra intitulada: ‘Imite aqueles “que pela fé e pela paciência herdam as promessas”.

Em 240 países as mais de 8 milhões Testemunhas de Jeová se reúnem em ocasiões como essa de excelente instrução baseada na Palavra de Deus, a Bíblia. No site oficial das Testemunhas de Jeová e mais traduzido do mundo, o JW.ORG, encontrará informações sobre esses eventos além de assuntos de interesse de casais e pais, adolescentes, crianças e para todos os que desejam aprender sobre a Bíblia.

Fonte: RF NOTÍCIAS

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Fotos: Abinael

Na noite desta sexta-feira, 13 de maio de 2016, houve uma colisão frontal entre um veículo Uno e uma carreta na BR 324, entre os municípios de Gavião e Nova Fátima.

Segundo informações, pelo menos uma pessoas que seguiam no Uno vieram a óbito no local. Ainda de acordo com informações, Uno é da prefeitura de Saúde e segura para Salvador. No impacto os dois veículos tombaram na pista, sendo que a carreta ficou cruzada na via, interrompendo o trânsito.
Fonte: Augusto Urgente!

Sexta, 13 Maio 2016 10:42

PUBLICIDADE

Escrito por

Por volta das 17:30h desta quinta-feira, 12 de maio de 2016, o condutor de uma moto de prenome Jairo veio a óbito ao colidir com um veículo Fiesta, na BA 131, entre Andaraí e França no município de Piritiba.

Segundo informações, o condutor do Fiesta tentou uma ultrapassagem em outro veículo e acabou colidindo frontalmente com o motoqueiro, que também residia em Piritiba. A Polícia Rodoviária Estadual foi acionada e registrou o acidente.

O corpo do homem ainda não identificado, de meia idade foi recolhido pelo Departamento de Polícia Técnica para o IML de Jacobina.
Fonte: Augusto Urgente!

 

Nesta quinta-feira 12, as policias Militar e Civil da cidade de Caldeirão Grande efetuou a prisão de dois elementos acusados de roubo de motos, Almir Santos de Oliveira e Edmilson Araujo Barbosa, foram presos em posse de duas armas tipo pistola, quando foram surpreendidos pela guarnição policial que teria recebido uma denuncia de que uma das motos apreendidas, estaria sendo guardada dentro do mato, próximo a sede do município. Os dois responderão por porte ilegal de armas e terão que se explicar para a justiça sobre as motos roubadas. Os elementos se encontram no completo policial de Caldeirão Grande, a disposição da justiça. Fonte: RFNoticias.com

[UNSET]

Três pessoas foram presas em Petrolina, Sertão de Pernambuco, suspeitos de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Entre as pessoas recolhidas, dois são mototaxistas da cidade de Juazeiro, cidade baiana vizinha e um menor foram pegos em flagrante delito.

De acordo com a Polícia Civil, na última terça-feira (10), o efetivo recebeu a denúncia anônima que três pessoas estavam em frente ao Condomínio San Diego, no bairro Vila Mocó, com atitude considerada suspeita.

Ao abordarem os homens, foi encontrado com o garupa da moto, o menor, 148g de crack. Com o outro mototaxista, a quantia de aproximadamente R$ 700,00. Segundo relataram a polícia que a droga seria entregue a um desconhecido no condomínio e receberiam o valor de R$ 3500,00.

O jovem irá responder ao processo em liberdade, já os outros dois homens, foram encaminhados a Penitenciária Doutros Edvaldo Gomes. A operação foi comandada pelo delegado de Polícia Civil Daniel Moreira.    Waldiney Passos

Senador Cristovam Buarque votou pelo impeachment

O senador Cristovam Buarque (PPS-DF) disse na tarde desta quarta-feira, 11, que votará pela admissibilidade do impeachment da presidente Dilma Rousseff. Ele ponderou que, apesar da decisão, o Senado ainda precisará se debruçar sobre o mérito da denúncia que pede a perda de mandato da petista. “Falta muito ainda para votarmos o impeachment ou não. Mas, quanto à admissibilidade, eu creio que o Brasil quer, o Brasil precisa”, disse. O parlamentar, que foi o 16º a falar no plenário, afirmou que seu voto levou em conta a incompetência do governo para conduzir a economia, a corrupção, os crimes de responsabilidade, além do que chamou de “estelionato eleitoral”. Para o senador, há indícios de que atos tratados na denúncia foram deliberados e intencionais. “Esse é um voto para que o Brasil seja passado a limpo”, disse. Cristovam criticou ainda o slogan adotado pelo governo Dilma. “Criamos um falso slogan da ‘Pátria Educadora’, fizemos consumidores, e não cidadãos”, afirmou. A senadora Simone Tebet (PMDB-MS), 15ª inscrita na lista de oradores, foi mais uma a se posicionar a favor da admissibilidade do processo de impeachment. Ela afirmou que hoje o Brasil vive uma paralisia. “Vivemos uma ingerência de poderes, um poder tentando atropelar o outro, como aconteceu com o presidente interino da Câmara”, disse numa referência a Waldir Maranhão (PP-MA), que chegou a suspender a sessão realizada pela Câmara sobre o processo contra a presidente. A senadora afirmou que o processo de impeachment não é golpe e sim democracia. “Venho com uma posição de que temos que seguir com a admissibilidade desse processo”, frisou.

Estadão Conteúdo

Quinta, 12 Maio 2016 06:54

Em Pindobaçu Policia Civil prende traficante

Escrito por

13062974_10201654303876079_5688647780836167357_o

Nesta quarta-feira, dia 11, Policiais Civis do S.I. da 19ª COORPIN, após intensa investigação, localizaram uma roça de maconha no município de Pindobaçu, com aproximadamente 7 tarefas de plantação de maconha, que depois de colhida renderia em torno de 800Kg da droga, sendo preso em flagrante delito o nacional JOÃO DA SILVA, 34 anos, sendo encontrado na roça na sua residência a quantia de 56.6 Kg de maconha pronta para comercialização. O preso foi autuado em flagrante delito pelos crimes de tráfico de droga e encontra-se a disposição da justiça.

Dilma Rousseff

O Senado aprovou, por 55 votos a favor e 22 contra, a admissibilidade do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff. Com isso, o processo será aberto no Senado e Dilma será afastada do cargo por até 180 dias, a partir da notificação. Os senadores votaram no painel eletrônico. Não houve abstenções. Estavam presentes 71 senadores. A sessão para a votação durou mais de 20 horas. Durante o dia, dos 81 senadores, 69 discursaram apresentando seus motivos para acatar ou não a abertura de processo contra Dilma. Com a aprovação de hoje, o processo volta para a Comissão Especial do Impeachment. A comissão começará a fase de instrução, coletando provas e ouvindo testemunhas de defesa e acusação sobre o caso. O objetivo será apurar se a presidenta cometeu crime de responsabilidade ao editar decretos com créditos suplementares mesmo após enviar ao Congresso Nacional um projeto de lei para revisão da meta fiscal, alterando a previsão de superávit para déficit. A comissão também irá apurar se o fato de o governo não ter repassado aos bancos públicos, dentro do prazo previsto, os recursos referentes ao pagamento de programas sociais, com a cobrança de juros por parte das instituições financeiras, caracteriza uma operação de crédito. Em caso positivo, isso também é considerado crime de responsabilidade com punição de perda de mandato. Um novo parecer, com base nos dados colhidos e na defesa, é elaborado em prazo de 10 dias pela comissão especial. O novo parecer é votado na comissão e, mais uma vez, independentemente do resultado, segue para plenário. A comissão continuará sob comando do senador Raimundo Lira (PMDB-PB) e a relatoria com Antonio Anastasia (PSDB-MG). Embora o Senado não tenha prazo para concluir a instrução processual e julgar em definitivo a presidenta, os membros da comissão pretendem retomar os trabalhos logo. A expectativa de Lira é que até sexta-feira (13) um rito da nova fase esteja definido, com um cronograma para os próximos passos. Ele não sabe ainda se os senadores vão se reunir de segunda a sexta-feira, ou em dias específicos e nem se vão incluir na análise do processo outros fatos além dos que foram colocados na denúncia aceita pelo presidente da Câmara dos Deputados. A votação dos requerimentos para oitiva de testemunhas e juntada de documentos aos autos deve começar na próxima semana.

Agência Brasil

Em discurso, Collor afirma que alertou governo sobre possibilidade de impeachment
Foto: Agência Brasil
 
O senador Fernando Collor (PTC-AL) afirmou nesta quarta-feira (11) que alertou o governo sobre a possibilidade de impeachment da presidente Dilma Rousseff. "Alertei sobre a possibilidade de sofrer impeachment, mas não me escutaram. Coloquei-me à disposição, ouvidos de mercador. Desconsideram minhas ponderações. Relegaram minha experiência. A autossuficiência pairava sobre a razão", disse em discurso na tribuna durante a sessão que vota a abertura do processo. Collor foi alvo de impeachment em 1992. Apesar de não declarar seu voto na tribuna, o senador indicou um voto a favor do afastamento da petista. "Nos raros encontros com a presidente, externei minhas preocupações, especialmente após a sua reeleição, quando sugeri a ela uma reconciliação de seu novo governo com seus eleitores e com a classe política", explicitou. "Sugeri que fosse a televisão pedir desculpas por tudo que se falou na campanha eleitoral, desmentido depois por seus próprios atos, nos primeiros meses do atual mandato". Collor lembrou ainda a denúncia feita contra ele em 1992, afirmando que o rito do impeachment é o mesmo, mas não o rigor.
Mesmo com cautela, Temer confirma que posse de ministros acontece nesta quinta
Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil
 
O vice-presidente Michel Temer afirmou na madrugada desta quinta-feira (12), após reunião com aliados políticos, que sua equipe ministerial está "praticamente" toda formada. Ainda assim, disse que aguardará a decisão do Senado sobre a admissibilidade do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. "Vamos aguardar serenamente o resultado do Senado. Ainda temos algumas horas pela frente. Vamos aguardar esse período com a tranquilidade habitual. Amanhã [quinta-feira] nós praticamente teremos toda a equipe. Amanhã, se as coisas acontecerem, eu vou simplesmente dar posse aos ministros". Temer ainda ressaltou, segundo a Agência Brasil, que não fará nenhum anúncio de medidas econômicas. Cotado para assumir o Ministério do Planejamento, o senador Romero Jucá (PMDB-RR) manteve o tom cauteloso, mas disse que nos primeiros dias serão anunciadas medidas na área econômica. Ele informou que se encontrou com o ministro da Fazenda, Nelson Barbosa. "O ministro Nelson é um amigo fraterno. Hoje, repassamos algumas medidas que o governo estava encaminhando, outras que está estudando, outras que eu estava trabalhando também no Senado, para que possa haver solução de continuidade, já que a gente quer o bem do Brasil", disse. A expectativa é que o vice-presidente faça um pronunciamento aos jornalistas de conotação política em que sinalize suas posições na área econômica, social e trabalhista. Também há a previsão que uma edição extra do Diário Oficial da União seja publicada com os nomes dos primeiros quadros da equipe de Temer.
'Admissibilidade transformou-se em estado de julgamento', critica Pinheiro sobre votação
Foto: Reprodução/ TV Senado
 
Apesar de não declarar seu voto no plenário do Senado na madrugada desta quinta-feira (12), o senador baiano Walter Pinheiro (Sem Partido) fez um discurso contrário ao impeachment, como já previsto (veja aqui). O ex-petista criticou a votação da admissibilidade do processo, que teria se transformado em um julgamento. "Nenhum daqueles atos passou ainda pela última etapa de julgamento. Estamos em um 'sim' ou 'não' de condenação antes de um julgamento", afirmou. Para Pinheiro, esse debate "triste" ignora as responsabilidades do Senado e da Câmara na trajetória do atual governo. O parlamentar defendeu ainda que a população brasileira deveria ter a possibilidade de tirar ou não o governo eleito. "Nós deveríamos ofertar a possibilidade de tirar esse governo, as duas cabeças, Dilma e Temer, mas apenas àqueles que tiveram a possibilidade de eleger", disse o baiano. Pinheiro também comparou a chapa formada pela presidente Dilma Rousseff e pelo vice Michel Temer a um casal "que se separa e diz à sociedade que a culpa é do outro", além de ressaltar que Temer deveria assumir o governo, em caso de confirmação do impeachment, com o mesmo programa apresentado no período das eleições. "Estamos votando a condenação do povo brasileiro, estamos impondo ao povo brasileiro um novo presidente da República sem que ele tenha possibilidade de opinar".
Em última defesa de Dilma, Cardozo reafirma que não há crime e chama processo de ‘golpe’
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
 
No última defesa de Dilma Rousseff antes a votação do impeachment no plenário do Senado, o advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, voltou a contestar as acusações que sustentam o processo contra a presidente. Ele argumentou que não há crime de responsabilidade na abertura de créditos suplementares e no atraso no repasse de dinheiro para bancos, prática chamada de pedaladas fiscais. "Está se condenando agora uma mulher honesta e inocente", afirmou. Segundo Cardozo, os créditos suplementares foram abertos para tratar de verbas para áreas importantes da gestão. "Não foram decretos que visavam passar verbas para uso indevido", disse. Ele ainda alegou que as pedaladas fiscais não foram o fator determinante para o descumprimento da meta fiscal. "A queda da receita que sinalizou que a meta não poderia ser cumprida, nada com as pedaladas", defendeu. O advogado-geral da União também voltou a apontar que o processo nasceu por vingança do então presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). "Ninguém disse que Eduardo Cunha não fez chantagem para abrir o processo. Nem o próprio autor da denúncia", lembrou.
Senado aprova abertura de processo de impeachment de Dilma Rousseff
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil
 
O Senado aprovou, na manhã desta quinta-feira (12), a abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT). Entre os senadores presentes, 55 foram favoráveis ao relatório de Antônio Anastasia (PSDB-MG), que pedia o afastamento da chefe do Executivo e sua investigação pela suposta prática de crimes de responsabilidade. Outros 22 foram contrários ao impeachment, enquanto o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), se absteve para manter “isenção” e “neutralidade” no comando do processo. A sessão de votação da admissibilidade do processo foi iniciada por volta das 10h desta quarta (11) e atravessou a madrugada para que 71 senadores pudessem discursar, por 15 minutos, sobre o caso. Por volta das 3h, os discursos pró-impeachment já somavam número suficiente para indicar que a presidente seria afastada, apesar da votação só ter sido concretizada por volta das 6h30. A discussão foi encerrada às 5h45, quando Anastasia teve o direito de defender mais uma vez seu parecer. Logo depois, o ainda Advogado-Geral da União, José Eduardo Cardozo fez a última defesa da presidente antes da votação. Dilma deve ser notificada ainda na manhã desta quinta sobre a decisão, a partir de quando será afastada do cargo por 180 dias para que ocorra a investigação. Durante o período, o vice-presidente Michel Temer (PMDB) assumirá interinamente a Presidência. Os ministros atuais decidiram nesta quarta (11) que pediriam demissão em massa – com exceção do presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, e do ministro interino dos Esportes, Ricardo Leyser, que acompanha a realização da Olimpíada. Temer já anunciou que os novos ministros devem tomar posse ainda nesta quinta, por meio de uma edição extra do Diário Oficial da União.
Uma atriz pornô foi presa na tarde desta terça-feira (10), em São Vicente, no litoral de São Paulo, acusada de tráfico de drogas. Laryssa Oliveira, de 19 anos, é conhecida por atuar em filmes do gênero usando o nome 'Rafa Zaqui'. De acordo com a polícia, ela foi flagrada em atitude suspeita no bairro Jardim Guassu. 
 
Assustada, a moça confessou para os policiais que estava escondendo cápsulas de cocaína e dinheiro. Ainda de acordo com a polícia, Laryssa vendia cada cápsula por cerca de R$ 10. Ela foi presa em flagrante e encaminhada para a cadeia. A atriz já havia sido detida no mês passado, também por tráfico de drogas, mas acabou liberada. 
 
No site de uma das produtoras de filmes adultos, Laryssa Oliveira aparece como moradora da Baixada Santista. Ainda de acordo com o perfil exibido na página, ela procurou a empresa para fazer testes e já rodou mais de seis filmes. Atualmente ela tem sido requisitada para participar de festas do gênero.
Correio 

As quatro pessoas da uma mesma família que morreram em uma colisão entre um carro e um caminhão, na madrugada desta quarta-feira (11), no km 569 da BR-324, trecho da cidade de São Sebastião do Passé, na região metropolitana da capital, são da família de um morador da cidade, conhecido pelo apelido de Manoel do Alho, o filho conhecido por Nau 39 anos e sua esposa Kauane 34 além dos filhos do casal, todos morreram no local do acidente.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente ocorreu por volta de 4h25, no sentido Salvador, ainda segundo a polícia, o carro pequeno bateu no fundo do caminhão.

O motorista do caminhão não teve ferimentos. Até o presente momento a Polícia não tem informações sobre o motivo do acidente.
Fonte: Jorge Quixabeira.

 

O empresário Marcelo Paiva Caetano Rodrigues, de 29 anos, marido da cantora baiana Viviane Tripodi, foi preso pela Polícia Federal (PF) com uma tonelada de maconha, na manhã desta quarta-feira (11), na cidade de Jaguaquara, no interior baiano. Ele também é acusado de chefiar uma quadrilha de traficantes que fornece drogas em Salvador e no interior do estado.
 
Em Lauro de Freitas, a PF apreendeu também 67 quilos de cocaína que estavam em um galpão onde fica o trio elétrico da família Tripodi. Quatro pessoas também foram presas em flagrante.
 
Os policiais federais cumpriram mandados de busca e apreensão na fazenda da família Tripodi, em Jaguaquara, na Operação Carnaval, iniciada há dois meses. Parte da droga estava na propriedade. Outra parte foi encontrada dentro de uma ambulância, que iria para Aracaju, em Sergipe.
 
Segundo a PF, a quadrilha abastecia vários bairros de Salvador e as cidades de Jaguaquara, Porto Seguro, Itabuna e Jequié. Agora na Bahia.

 

Vítimas seriam Testemunhas de Jeová e visitavam residências nesta manhã; polícia apura se também houve estupro.

Reprodução / EPTV

Duas mulheres foram esfaqueadas na manhã desta terça-feira (10), em Luiz Antônio. Um suspeito foi preso. A Polícia Civil apura se elas também sofreram estupro. 

As vítimas foram socorridas para uma unidade de saúde da cidade com ferimentos no pescoço. Elas seguem em observação.

De acordo com a polícia, as mulheres seriam de uma igreja e visitavam residências nesta manhã.

Ao chegar à casa do suspeito, ele teria pedido socorro para a esposa que, segundo disse, estaria passando mal.

Após o crime, as mulheres, que chegaram a fingir estarem mortas, conseguiram fugir e pedir ajuda. (Com EPTV)

Reprodução / EPTV

Às vésperas do impeachment, Temer se reúne com Calheiros
Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom / Agência Brasil
 
O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), reuniu-se com o vice-presidente da República, Michel Temer, nesta terça-feira (10), às vésperas da votação do impeachment. Temer chegou por volta das 15h15 na residência oficial do presidente do Senado, acompanhado do ex-deputado do PMDB da Bahia, Geddel Vieira. Antes, havia chegado ao local o senador e presidente em exercício do PMDB, Romero Jucá (RR). Nenhum deles falou com a imprensa. Na sessão marcada para começar na manhã desta quarta-feira (11), os senadores vão votar o parecer do relator da comissão especial do impeachment no Senado, Antonio Anastasia (PSDB-MG), que defende a abertura do processo contra Dilma. Se for aprovado, Dilma será afastada por 180 dias.
Membros do MP pedem rapidez do Congresso para aumentar salário de procurador-geral
Aumento para Janot causa efeito cascata e aumenta de promotores | Foto: STF
Os membros do Ministério Público e da magistratura, em nota, reiterou seu posicionamento sobre a simetria entre as carreias do MP e a magistratura, diante do reconhecimento do pedido de urgência pelo Congresso para votar o projeto de lei que eleva o salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) de R$ 33.763 para R$ 39.293,38. As entidades que representam promotores e procuradores de Justiça e da República, procuradores do Trabalho, juízes estaduais, federais e trabalhistas, pedem que o Congresso também dê máxima urgência na votação da proposta que eleva o subsídio do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. A aprovação do aumento salarial para os ministros do STF e do procurador-geral, em efeito cascata, eleva o subsídio das categorias. A nota conjunta foi assinada durante a reunião da Frente Associativa do Ministério Público e da Magistratura (Frentas) nesta quarta-feira (4). A nota foi assinada pelo Conamp, Associação Nacional dos Membros do Ministério Público Militar, da Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT), Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) e da Associação dos Juízes Federais no Brasil (Ajufe).
Psol inaugura nova sede no Campo Grande; Pedro Pondé se filia nesta sexta
Foto: Divulgação
O Psol inaugura sua nova sede nesta sexta-feira (6), às 19h, com a presença de diversas lideranças políticas da sigla e de outros partidos, como Rede, PSB, PSTU, PT, PCB e representantes de diversos movimentos sociais. O imóvel fica no Campo Grande, em frente ao Hotel da Bahia. Já confirmaram presença o deputado estadual Edilson Silva (PSOL-PE), pré-candidato a prefeito de Recife; a senadora Lídice da Mata; o presidente estadual da Rede Sustentabilidade, Júlio Rocha; a presidente municipal de Salvador, o vereador Hilton Coelho (PSOL-Salvador) e outras lideranças. No evento, que terá atrações musicais, o vocalista da banda Scambo, Pedro Pondé, irá se filiar ao Psol. A legenda estava há um ano sem sede. "O partido sem sede fica destituído de referência política! O local é estratégico porque  facilita o acesso das lideranças do Movimento sem teto e de outros movimentos sociais que dialogam com o PSOL", destaca o presidente estadual do Psol, Ronaldo Santos. 

Astro pop enviava contribuições de US$ 6 mil por ano, diz filantropa. Ele ajudou treinamento de 100 monitores que cuidam de 2 mil crianças.

Prince se apresenta durante o show do intervalo do Super Bowl XLI no Dolphin Stadium, em Miami, em fevereiro de 2007 (Foto: Chris O'Meara/AP/Arquivo)

Prince se apresenta durante o show do intervalo do Super Bowl XLI no Dolphin Stadium, em Miami, em fevereiro de 2007 (Foto: Chris O'Meara/AP/Arquivo)

O astro pop Prince também era um filantropo, mas sempre quis manter suas doações em segredo, revelou nesta quinta-feira (5) uma organização beneficente que ajuda órfãos no Afeganistão.

O famoso artista, morto em 21 de abril aos 57 anos, doou milhares de dólares à ONG Ajuda para a Fisioterapia e a Reabilitação para o Afeganistão (Parsa, em inglês).

Suas doações, administradas pela filantropa americana Betty Tisdale, foram destinadas ao treinamento de 100 monitores que cuidam de 2 mil crianças, muitas delas órfãos, informou a organização beneficente Marnie Gustavson.

O músico começou a colaborar financeiramente depois que sua amiga Tisdale visitou o país em 2010, contou Gustavson.

Depois de uma primeira doação de US$ 15 mil, o cantor prosseguiu enviando contribuições de US$ 6 mil por ano.

Prince preferia que suas doações não fossem divulgadas, mas, depois de sua morte, ela quis revelá-las para agradecer em público o apoio que recebeu.

Da France Presse

Teixeira: H1N1 é confirmada em irmã de bebê que morreu devido à gripe
Foto: Reprodução
Mais um caso de gripe H1N1 foi confirmado em Teixeira de Freitas, no extremo sul baiano, nesta quarta-feira (4). Segundo a Vigilância Epidemiológica da cidade, a gripe A [outra denominação da doença] foi constatada em uma adolescente de 14, irmã do bebê de oito meses que morreu no dia 13 de abril na cidade por conta também da doença. De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), a adolescente passa bem e recebe tratamento em casa. O caso dela e o do bebê ainda não foram registrados no boletim da Sesab. Conforme o último boletim da pasta, na segunda-feira (2), dez pessoas já morreram vítima da gripe H1N1 no estado. A relação de óbitos são: Salvador (5); Vitória da Conquista (1); Teixeira de Freitas (1); Ibipeba (1); Boquira (1) e Bom Jesus da Lapa (1). Conforme o Teixeira News, a vacinação está suspensa nos 30 postos do município por conta da falta de doses. A previsão é que as vacinas estejam à disposição na próxima semana. Em relação aos casos confirmados, já são 45 em todo o estado. Os registros foram constatados em 14 cidades: Boa Nova (1), Boquira (1), Bom Jesus da Lapa (1), Feira de Santana (1), Guanambi (3), Ibipeba (1), Ibirataia (2), Jacobina (1), Lauro de Freitas (4), Piripá (1), Rio de Contas (1), Salvador (24), Teixeira de Freitas (1), Vitória da Conquista (3).
BN
Após afastamento, Cunha ficará em casa; Polícia Legislativa bloqueia acesso
Foto: Reprodução / Globo News
Após ter o mandato suspenso (clique aqui) e, por consequência ser afastado da presidência das Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deve passar toda a manhã em sua residência oficial, onde ele acompanhará o julgamento, no Supremo Tribunal Federal, do pedido de afastamento apresentado pelo Rede Sustentabilidade. Segundo informações da Globo News, quatro carros entraram no local, trazendo os dois advogados do parlamentar e dois deputados aliados, entre eles, Paulo Pereira da Silva (SD-SP), o Paulinho da Força (saiba mais). A Polícia Legislativa já bloqueou o acesso à casa, para onde já se dirigem manifestantes. 
 
BN

Teori Zavascki determina afastamento de Eduardo Cunha da CâmaraO ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki, relator da Operação Lava Jato determinou o afastamento do presidente da CâmaraEduardo Cunha (PMDB-RJ), do mandato de deputado federal e, consequentemente, da presidência da Casa. A decisão de Teori é liminar (provisória).

Um oficial de Justiça foi à residência oficial do presidente da Câmara logo no início da manhã para entregar a notificação para Cunha.

O ministro Teori concedeu a liminar em ação pedida pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que argumentou que Cunha estava atrapalhando as investigações da Lava Jato, na qual o deputado é réu em uma ação e investigado em vários procedimentos.

Segundo o ministro, a medida visa neutralizar os riscos apontados por Janot no pedido de afastamento de Cunha.

Procurado pelo G1, Eduardo Cunha ainda não havia se manifestado até a última atualização desta reportagem.

Teori Zavascki determina afastamento de Eduardo Cunha da CâmaraO ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki, relator da Operação Lava Jato determinou o afastamento do presidente da CâmaraEduardo Cunha (PMDB-RJ), do mandato de deputado federal e, consequentemente, da presidência da Casa. A decisão de Teori é liminar (provisória).

Um oficial de Justiça foi à residência oficial do presidente da Câmara logo no início da manhã para entregar a notificação para Cunha.

O ministro Teori concedeu a liminar em ação pedida pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que argumentou que Cunha estava atrapalhando as investigações da Lava Jato, na qual o deputado é réu em uma ação e investigado em vários procedimentos.

Segundo o ministro, a medida visa neutralizar os riscos apontados por Janot no pedido de afastamento de Cunha.

Procurado pelo G1, Eduardo Cunha ainda não havia se manifestado até a última atualização desta reportagem.

Um grupo com cerca de 20 criminosos explodiu a agência do Banco do Brasil da cidade de Coração de Maria, a 110 km de Salvador, por volta das 3h desta terça-feira, 3. De acordo com a polícia, durante a ação ousada, os bandidos cercaram o pelotão da Polícia Militar do município e impediram a saída dos policiais do local.
 
Uma Casa Lotérica, localizada ao lado da agência bancária, também foi arrombada pelos criminosos. Com as explosões, parte do teto da agência caiu. O impacto também formou rachaduras e buracos na parede dos fundos do banco. Testemunhas informaram à polícia que os bandidos estavam encapuzados e chegaram na cidade em seis carros e atiraram para cima. Ninguém ficou ferido.O bando conseguiu fugir depois da ação e, até as 11h desta terça, ninguém tinha sido preso. Não há informações sobre quantia levada pelo grupo. Até está segunda-feira, 2 de maio, foram registrados 34 ataques a banco na Bahia. Segundo balanço do Sindicato dos Bancários, o interior é o que mais sofre com as ocorrências. São 28 do total, sendo 22 registros de explosões, três arrombamentos, três assaltos e seis tentativas frustradas. A Tarde

O Supremo Tribunal Federal (STF) informa que deve analisar nesta quinta-feira (5) o pedido de afastamento do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), do posto. O pedido foi feito à Corte pelo partido Rede. O argumento apresentado pelo partido na Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) é o de que Cunha, por ser réu em processo no STF, não pode estar na linha sucessória da Presidência da República.Caso Michel Temer (PMDB) assuma a cadeira de Dilma Rousseff, o que pode acontecer na próxima semana, Cunha se torna o primeiro na linha sucessória.

Parecer do Conselho de Ética sobre Cunha deve chegar à mesa diretora no início de junho
Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil
 
O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados já tem bem definidos os prazos para conclusão do processo que investiga uma possível quebra de decoro do presidente da Casa, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). O parecer do relator, deputado Marcos Rogério (DEM-RO), deve ser enviado à mesa diretora da Casa ou 5 ou 6 de junho, segundo informações de bastidores. Atualmente, o colegiado está em fase de oitiva das testemunhas, que deve ser concluída até 19 de maio - ainda faltam as oitivas das testemunhas favoráveis ao peemedebista. 
Teori Zavascki envia para Ségio Moro denúncia de suposta propina do PFL baiano
Foto: Geraldo Magela /Agência Senado
 
O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), enviou ao juiz Sérgio Moro, da primeira instância da Justiça Federal em Curitiba, a denúncia sobre o suposto pagamento de propina ao PFL baiano durante durante o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (veja mais). O encaminhamento aconteceu a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, já que no depoimento não são citadas pessoas com foro privilegiado, como parlamentares e ministros. O senador Delcídio do Amaral citou em sua delação premiada um possível pagamento de propina entre US$ 9 milhões e US$ 10 milhões para políticos ligados ao PFL (atual DEM) na Bahia. O valor teve origem na compra de uma máquina da empresa Alstom para a Refinaria Landulfo Alves. O parlamentar entregou US$ 10 milhões ao baiano Carlos Lanranjeira, ex-diretor da OAS, a pedido do ex-ministro Rodolpho Tourinho, em transação com a Alstom.
Desembargador nega recurso e mantém bloqueio ao WhatsApp no Brasil
Foto: Bruno Fortuna/ Fotos Públicas
 
O desembargador Cezário Siqueira Neto negou a liminar em mandado de segurança que pedia o desbloqueio do aplicativo WhatsApp. A decisão foi publicada durante o Plantão do Judiciário do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE) na madrugada desta terça-feira (3). O recurso foi impetrado pelo WhatApp Inc. Dessa forma, está mantido o bloqueio de 72 horas ao aplicativo de troca de mensagens iniciado às 14h desta segunda-feira (2) (veja mais). TIM, Oi, Claro, Nextel e Vivo cumpriram a determinação. Caso elas não obedeçam a medida, deverão pagar multa diária de R$ 500 mil.
Pagina 1 de 323